0° Aula Qual Arduino Comprar? - O melhor Arduino

|





Após descobrir o Arduino e perceber a infinidade de projetos disponíveis, saber que é open hardware e open software e além de tudo isso ser um AVR, com arquitetura Harvard e tecnologia RISC que supera e muito os antigos 8051 e PIC de 8bits a grande questão é qual modelo de Arduino optar?
Vamos descobrir?

Para deixar mais claro, primeiramente vamos elucidar o porque de tantos modelos.
"Era uma vez" um cara que criou uma estrutura para um microcontrolador AVR. Sua ideia era facilitar o acesso de indivíduos que não dominavam essa poderosa tecnologia que envolvia programação complexa e muita eletrônica. E assim chamou "a Bela " de Arduino. "Mas não é só isso" ele também era open hardware e open software. E esse novo conceito -ser aberto, livre-  acompanhando as novas tendências como Linux e Firefox gerou uma leva de Arduinomaniacos.
Podemos dizer que o Arduino criou um BUM! Como no surgimento dos videogames. Ter um Atari era o motivo de tietagem dos vizinhos.   
Bem... Sendo open o Arduino disponibilizou toda sua documentação, assim qualquer um poderia montar o seu em casa, fazer modificações básicas e criar uma variação do arduino que melhor se adaptava ao seu projeto e publica-la para que outros pudessem conhece-la.
Então foram surgindo arduinos mais compactos para projetos com pouco espaço, já outros maiores para projetos com maior necessidade de sensores e pinos.
Tudo deu tão certo que o próprio arduino passou a sofrer atualizações tanto em Hardware(na placa do arduino) como em software(programas e bibliotecas que escrevem o código) e assim o arduino passou de NG, para Diecimila, depois para Duemilanove e em seguida: UNO.
O Mega que era Mega1280 passou para Mega2560.
Evidentemente essas atualizações normalmente não representão um mudança drástica a ponto de não poder usar um ou o outro. Muito pelo contrário. É priorizado a compatiblidade entre eles.
O mesmo acontece com a IDE(interface de desenvolvimento do arduino) que constantemente é atualizada.


Ciente de tudo isso agora é fácil escolher o seu modelo de Arduino.
A recomendação é compra o modelo que mais se adequa a sua aplicação.
Procure optar pelo modelo mais barato se deseja gastar pouco.
Adote o modelo com mais memória e pinos se o seu peojeto for grande ou tenha pretenção de expandi-lo.

Existem basicamente três linhas de arduino que recomendo:
-Os bem pequenos: NANO
-Os de tamanho Médio e tradicional: Duemilanove, UNO
-Os Grandes: Mega1280, Mega2560

Recomendo então:
-O arduino UNO ou Duemilanove para projeto de tamanho padrão  como robôs simpes, interface IHM, central de monitoramento. dentre outros.
-O arduino Mega1280 e Mega2560 para projetos com maior demanda de memória, sensores e relés. Robôs mais complexos que usam diversos sensores e´a melhor opção.
-O arduino NANO para projetos que precisam ser leves e ocupar pouco espaço. Possui a mesma configuração do Duemilanove/UNO mas em tamanho reduzido.

E onde comprar?
Visite a Loja Brasilrobotics.


Vamos as fotos e descrições:

-Arduino NANO



Apresenta estrutura bem compacta
Possui entrada para cabo Mini USB
Já é encontrado com Atmega328
Pesa aproximadamente: 6g
Dimensão: 4,2 x 1,7 x 2,00cm



-Arduino Duemilanove



















Apresenta estrutura de tamanho médio
Possui entrada para cabo USB
Possui Atmega328
Pesa aproximadamente: 28g
Dimensão: 6,8 x 5,5 x 1,0 cm






-Arduino UNO
 
Apresenta estrutura de tamanho médio
Possui entrada para cabo USB

Possui Atmega328
Pesa aproximadamente: 28g
Dimensão: 6,8 x 5,5 x 1,0 cm







-Arduino UNO Italiano


















Apresenta estrutura de tamanho médio
Este modelo é fabricado na Itália. Tabém é chamado de modelo original por ser fabricado na Itália onde foi criado o Arduino. Mas como é open não existe "original". É apenas um apelido.
Possui entrada para cabo USB
Possui Atmega328
Pesa aproximadamente:26g
Dimensão: 6,8 x 5,5 x 1,0 cm






-Arduino MEGA1280


 Apresenta estrutura de tamanho relativamente grande.
Apresenta maior número de pinos: I/O, Analógicos, maior memória 
Possui entrada para cabo USB
Possui Atmega1280
Memória flash: 128k
Pesa aproximadamente: 35g
Dimensão:  5,2x10x1,0 cm






-Arduino MEGA2560















Apresenta estrutura de tamanho relativamente grande.
Apresenta maior número de pinos: I/O, Analógicos, maior memória
Possui entrada para cabo USB
Possui Atmega2560
Pesa aproximadamente: 33g
Dimensão:  5,2x10x1,0cm







 Algumas perguntas são frequentes, então vamos a elas:


-Qual a diferença entre o Uno e o Duelimanove?
O UNO é a versão atualizada em Hardware do Duemilanove. A grande modificação é a substituição do chip FTDI por um outro microcontrolador da Atmega que permite a gravação do código com uma velocidade maior(duas ou três vezes maior que o FTDI). O FTDI é o componente responsável pela comunicação do arduino(Atmega328) com o compupador(porta COM) através do cabo USB.


-Qual a diferença entre o Uno e UNO Italiano?
O Arduino é open e pode ser fabricado em qualquer lugar. Os criadores do Arduino são italianos e fabricam o modelo na Itália assim o arduino UNO Italiano muitas vezes é chamado de original. Mas não ha diferença estrutural entre os que são fabricados em outro local. A diferença é fabrica mesmo.

-Qual a diferença entre o UNO R1, R2 e R3?
Assim como o Duemilanove foi atualizado e tornou-se UNO o mesmo acontece com UNO R1,  UNO R2 ou UNO R3.
Entretanto diferentemente da modificação do chip FTDI que ocorreu entre o Duemila e  o UNO as variações entre UNO são de mudança na posição de alguns componentes. Adição de diodos e outras alterações que não representam uma mudança tão perceptível. O recomendo é não se preocupar com essas atualizações no UNO pois são em geral para incentivar a venda de modelos mais caros.

-Qual a diferença entre o Duemilanove/Uno e o MEGA?
O Duemilanove e o UNO são menores em número de portas entradas/saída tem menor memória flash(que grava o código). Entretanto é mais leve e compacto que o MEGA.
Outra grande diferença é que o chip Atmega é DIP no Duemilanove/UNO e isso permite retirar este chip e troca-lo por outro em caso de danos ou para fazer um projeto sem o uso da plataforma Arduino. No Mega o Atmega é SMD e não permite fácil remoção e troca do microcontrolador AVR, para isso deve conhecer as técnicas novas de solda em SMD.   

-MEGA 2560 é o melhor Arduino?
Caso queira desenvolver um projeto que tenha muitas portas, sensores... Sim, será o mais indicado.
No geral o Mega 2560 lhe permitirá desenvolver projetos maiores sem se preocupar com limite de espaço de gracação ou pinos Analógicos e I/O .
Possui maior número de pinos com Interrupção, PWM dentre outras habilidades que um microcontrolador oferece.

-O arduino precisa de alimentação externa como uma fonte?
O cabo USB fornece energia para o arduino, não precisando de alimentação externa.
Mas também é possível alimentar o arduino sem o cabo USB pela entrada de energia alternativa.
Para projetos que demandam grande carga (muita corrente) é preciso usar uma fonte externa e circuito para dar ganho de corrente.



-O arduino é melhor que o PIC e o 8051?
Sim, para os microcontroladores de 8bits o Arduino é mais rápido, possui maior memória e instruções.
Além de tudo isso possui documentação open e uma grande comunidade trocando informação.


-O Arduino é a plataforma de desenvolvimento mais fácil para iniciantes?
 Sim, sua estrutura foi pensada para facilitar ao máximo a interação com novos usuários.
Mas ao mesmo tempo permite que desenvolvedores avançados usem essa plataforma.


-É possivel usar o Arduino para fazer um robô?
Sim, essa é uma das aplicações mais frequentes.

-É possível usar o Arduino em projetos industriais ou em campo aberto? 
Sim, o arduino é amplamente usado em projetos diversos e é bem aceito tem todos os campos.
Possui interação com painel solar, permite alimentação com tensão da rede e opções de baixo consumo.

-Posso tirar o chip microcontrolador Atmega do arduino e por outro?
Sim, o arduino Duemilanove e UNO aceita o Atmega8, Atmega168 ou Atemga328.
Entretanto é preciso dar o bootloader do arduino no chip novo para tudo funcionar perfeitamente.


-Quando compro o arduino ele já vai pronto?
Sim, o arduino vai pronto para uso.
Basta espetar o cabo USB instalar os drives de comunicação com a USB do seu PC e rodar.



-É possível gravar mais de uma vez o código no arduino?
 Sim, o número de gravações no arduino é muito grande, é como o pendrive que usamos no dia a dia: apaga escreve, apaga... Costumo dizer que tende ao infinito.
Recomendo consultar o datasheet do atmega e conferir os dados.

Onde compra Arduino?
Visite a Loja Brasilrobotics.

13 comentários:

Anônimo disse...

Boa tarde, estou começando a me interar sobre os assuntos do arduino.
Minha questão é a seguinte, estou fazendo um projeto de iluminação na minha casa a qual vou utilizar um sequenciamento programado de leds, porém desejo manter esse sistema ligando a rede elétrica (127V), o arduino suporte essa tensão?

Obrigado.

Brasilrobotics disse...

Ola

Arduino e´ o cerebro e faz o controle.
Ele trabalha com 5V mas controla um sistema em qualquer tensao basta para isso a parte de ganho de corrente ou tensao, ou isolamento.
Voce pode fazer usando transistores, optos, reles e por ai vai. Depende da tensao e aplicaçao.
O mais indicado para seu caso e´ usar modulos de reles ligados ao arduino e o rele ligado ao dispositivo que deseja ligar 110/220V e´ bem simples fazer isso. ok?
Qualquer modelo de arduino serve para seu caso.

Projetos com Arduino - Robo de Combate disse...

Queria Que vocês do Brasil robotics olhassem meus videos de como fazer um robo usando o arduio e avaliacem:
Parte1:
http://www.youtube.com/watch?v=zd_0Fchjd60&feature=plcp
Parte2:
http://youtu.be/59ErpFILSDo

Brasilrobotics disse...

Ola

Achei bem interessante sua proposta e iniciatva. Acredito que você aprendeu muito com o projeto e vai incentivar outros projetos.
Entretanto recomendo para robôs de combate uma estrutura mais robusta.

Josias Diego Martins disse...

Bom dia

Sou estudante de engenharia eletrônica, e achei muito interessante o Arduíno para começar a colocar o curso em pratica montando pequenos robôs e etc.

Gostaria de saber qual o melhor modelo.

Me interessei muito pelo MEGA, devido a quantidade de flash que ele possui, pois pretendo começar criando um pequeno carro de controle remoto, com controle de velocidade, controle de carga da bateria, sensores e etc, e posteriormente gostaria de controlar alguns motores de passo.

Então como sou iniciante, não sei se os modelos UNO e DUEMILANOVE seriam suficientes para armazenar o codigo necessário (o Mega 2560 tem 256K, certo? e o Duemilanove são 48k, certo?)

Porém, vejo que o Duemilanove possui mais kits a venda, e é mais barato.

Como não tenho a mínima noção do quanto da memória flash os "programas" ocupam, gostaria de uma orientação neste sentido.

Brasilrobtoics disse...

Olá

Se seu robô vai seguir linha ou desviar de obstaculos qualquer modelo servirá.
32k de código e´ muit acoisa para essas plicações.
Mas se pretende agregar diversas capacidades e integrar tudo o ideal e´ o MEGA2560 com 256k.
Atualmente o MEga2560 está com um custo bem baixo e vale muito pois poderá desenvolver um projeto bem mais complexo caso queira.

Anônimo disse...

É possível montar carros movidos a controle remoto com Arduino?

Brasilrobotics disse...

sim

Wilson Arruda disse...

qual o melhor arduino entre os menores?
o arduino mini?
arduino mini pro?
arduino nano?
arduino micro?
gostaria de saber qual o mais potente, com mais portas e maior capacidade... e se eles sao compativeis com "tudo" dos outros modelos grandes
obrigado!

Brasilrobotics disse...

opa

Se estiver o atmega328 ele são todos iguais.
A diferença é que eles foram tirando coisas ou botando peças menores.
Cada vez mais peças em smd e bem menores então tudo ficou bem mínimo.
Tem outros modelos que foi tirada a parte de gravação e a parte de alimentação.Então precisa de um acessório para isso.
Mas na pratica é tudo uma coisa só e não a grande diferença.
No que diz respeito a programação, pinos e memoria não muda nada mesmo.
Particularmente prefiro o arduino NANO pois ele é completo como o UNO e o MEGA e num tamanho ótimo para interagir e permite plugar na protoboard.

Marcio Wendel disse...

Oi feliz dias dos pais a todos
O meu comentario e sob o arduino tenho uma duvida e vcs purem me ajudar
eu ja programo na limguem C e asembler com pics e vejo varios projetos bacana com o arduino

Quando eu fazer um projeto eu tenho que uzar toda a plata forma do arduino ou posso programa o moicro e tirar como faço com o os pics essa e minha duvidas

Meu e-mail:marcio_philco01@hotmail.com

Um abraço a tdos .....

Brasilrobotics disse...

Basta usar o Atmega um cristal e dois capacitores.
A placa é basicamente uma plataforma de desenvolvimento o que faz tudo é o AVR. CI preto no meio da placa.
Veja nesse link as opções de arduino. Tem o modelo apenas com o CI.
http://lojabrasilrobotics.blogspot.com.br/search/label/Arduino

Luiz Cypriano disse...

BOA TARDE VOCE TEM PARA VENDER O ARDUINO YUN?

 

©2010 Brasil Robotics | by Gamesh_